Climege realiza primeira cirurgia com transplante de células-tronco

 Climege realiza primeira cirurgia com transplante de células-tronco

Uma paciente de 72 anos foi submetida a um processo cirúrgico minimamente invasivo, utilizando células-tronco na Climege – Hopital Dia. O trabalho coordenado pelo ortopedista Dr. Ernest Fialho foi um sucesso e aconteceu no final da manhã desta quarta-feira, dia 15 de junho. É a medicina regeneravita proporcionando mais qualidade de vida para as pessoas.

Ao final da cirurgia, o médico falou sobre detalhes do procedimento. “As células-tronco são células oriundas da nossa fase embrionária. Células totipotentes ou multipotentes capazes de se diferenciar com qualquer outro tipo de célula. Retiramos de tecidos maduros que ainda preservam células desse tipo para implantar em tecidos que precisam de regeneração, como por exemplo: cartilagem, osso e região sinovial”, explica.

Sobre a paciente atendida nesta quarta, ele detalha como foi a condução da cirurgia que não levou grandes incisões e cuja alta foi dada horas depois. “Hoje tiramos células tronco da bacia da paciente e implantamos no joelho, para tratamento da artrose e doenças degenerativas do joelho”, finalizou.

O recurso está disponível para todos os pacientes que necessitam de atenção neste aspecto, a partir do acompanhamento do Núcleo de Tratamento da Dor, podendo ser realizado por meio de convênios/particular.

MEDICINA REGENERATIVA

A medicina regenerativa é capaz de recuperar os tecidos lesionados a partir de técnicas minimamente invasivas. Além disso, o uso de medicamentos também diminui, já que a regeneração celular reduz as dores crônicas dos pacientes, que normalmente fazem uso contínuo de medicamentos.